{Vídeo} Dicas de como organizar os seus sapatos!

E aí, como está sendo o seu final de ano?

Eu nessa semana caí de febre e dor de garganta! 😦

Queria tanto ter deixado uma mensagem aqui para vocês, mas não consegui! Mas chega de história triste e vamos a uma ótima notícia: hoje tem vídeeoo com legenda e resuminho pra vocês! \o

Não se esqueçam de comentar o que acharam, combinado? Quero ouvir vocês! 😉

“Bom, o meu objetivo é tirar todos os meus sapatos da poeira e colocá-los em um local mais protegido.
Separei a última gaveta de uma cômoda e deixei livre para nesses meses que estou na casa da minha mãe, enquanto o meu apartamento não fica pronto,  guardar e organizar os sapatos nela.
Achei coisas que eu nem lembrava que tinha. Tem sapatos separados para algum conserto e sandálias bem sujas por conta da poeira… então separei para lavar.
Achei também meu scarpin vermelho, lindo, que eu nem lembrava que existia, precisou de uma limpeza também.
Lavei aquelas sandálias que podiam ser molhadas e esfreguei bem, com uma escova, água e sabão em pó.
A gaveta eu limpei com Lysoform (eu uso Lysoform em tudo! É uma mania que eu tenho). Ele é um desinfetante. Misturo o Lysoform com um pouco de água e passo com um pano por toda a gaveta.

  • Dica: você pode usar aqueles papéis perfumados para colocar no fundo da gaveta! É uma boa também. 😉
  • Dica2: use sachês perfumados para manter a gaveta cheirosinha! 😉

Para limpar os sapatos e os tênis basta um pano úmido com água, apenas água. Depois você pode usar um pano seco, para não manchar o calçado.
Calçados e gavetas limpos, é chegada a hora da organização! Coloquei um sapato atrás do outro para melhor visualização e aproveitamento do espaço. No vídeo eu falei que ia guardar as sandálias atrás dos tênis, mas preferi ao contrário, deixando as sandálias na frente, porque uso mai. Ficou assim:

100_1732

RESUMO:

  1. Objetivo: tirar os sapatos da poeira e guardá-los em um local adequado, por um curto período de tempo, até eu me mudar.
  2. Dei uma olhada nos meus sapatos e tive uma noção do espaço que eu precisaava.
  3. Lembrei que eu tinha uma gaveta sobrando na cômoda e experimentei colocar os sapatos nela para ver se cabiam.
  4. Coube, então resolvi usá-la!
  5. Voltei aos sapatos e separei aqueles que podiam lavar (sandálias de plástico), os que precisavam ser colocados um pouco no sol (tênis, all star…) e aqueles que são limpos apenas com um pano úmido mesmo (saltos, botas).
  6. Lavei as sandálias com água, sabão em pó e esfreguei com uma escova.
  7. Limpei a gaveta com um pano, água e Lysoform.
  8. Limpei os sapatos com pano úmido e depois com um pano leve e seco.
  9. Com a gaveta seca e limpa, organizei os sapatos um atrás do outro para melhor visualização e otimização do espaço.
  10. Perfuminho! ATENÇÃO: NÃO JOGUE NUNCA O PERFUME DIRETAMENTE NO SAPATO, PODE ESTRAGAR OU/E MACHAR!
  • Dica #1: usar aqueles papéis perfumados para colocar no fundo da gaveta é uma boa ideia e deixa tudo perfumadinho!
  • Dica #2: outra sugestão é usar sachês perfumados para manter a gaveta cheirosa!

Espero que tenham gostado! Não se esqueça do comentário! 😉

Curta a página do Caderno de Organização no facebook!

Um abraço,
Caroline Segovia.

Por que eu não consigo me organizar?

Oi, tudo bem?

Hoje trago novidade, uma tag nova. Quero te ajudar a se organizar! Muitas pessoas me procuram com essa meta e acredito que você possa se interessar também. Quando acabar de ler esse texto, você pode fazer um comentário me dizendo se este é o seu caso também?

Bom, em primeiro lugar, para você conseguir se organizar, é preciso saber por que não consegue. Qual tem sido a sua maior dificuldade? O que acontece quando você começa (ou nem começa)?

Responda a primeira pesquisa do Blog e me ajude a te ajudar também! Vou te dar algumas opções e você clica na que MAIS se identifica, tudo bem? Vamos lá:

Caso a sua dificuldade não seja nenhuma das citadas acima ou você queira acrescentar algo, por favor, escolha a que mais se identificou e deixe a sua opinião aqui nos comentários, fechado? 🙂

Curta a página do Caderno de Organização no Facebook!

Obrigada por contribuir com a melhoria do conteúdo do site e, consequentemente, para que você receba o melhor! Não se esqueça de comentar e para descontrair:

CO_não-consigo-organizar😀

Até mais,
Caroline Segovia.

Use a inteligência!

Existe uma anedota sobre a constante insatisfação com a vida:

Quando é jovem: tem tempo e disposição, mas não tem dinheiro;
Quando é adulto: tem disposição e dinheiro, mas não tem tempo;
Quando é idoso: tem tempo e dinheiro, mas não tem disposição.

Quando li isso quase fiquei deprimida! rs

Que vida chata essa, por favor, não existe necessidade disso… Vamos viver de maneira inteligente.

Uii, não gostei mesmo dessa anedota! 

Leia também:

Acompanhe o Caderno de Organização nas redes sociais: Fanpage  Youtube  Instagram

A coleta (GTD) e o hábito de escrever

Eu estava escrevendo sobre a famosa caixa de entrada para o blog e lembrei que esse assunto encaixa perfeitamente na dica desta segunda-feira:

#Dica04 – Escreva.

Eu acho que a maioria das pessoas que implementaram o método GTD em sua rotina, o conheceram no Vida Organizada. O blog da Thais é maravilhoso e foi com ela que eu aprendi muitas coisas sobre organização pessoal e até alguns pensamentos que ela escreve por lá me inspiram até hoje! Obrigada pela sua generosidade e profissionalismo, Thais!

Bom, eu fui uma das pessoas que compraram o livro GTD (Getting Things Done – A arte de fazer acontecer) de David Allen e com a ajuda de alguns blogs fui praticando o método que para mim, é muito eficaz! Só é preciso um tempo para se adaptar. Eu quero ler o livro novamente para melhorar e reformular algumas práticas.

Allen explica sobre a importância de se manter a “mente clara como a água”, para sermos mais produtivos. Não é armazenando tudo na sua mente que você vai conseguir resolver as coisas, muito pelo contrário!

Escrever ajuda muito porque abre a nossa visão para enxergarmos o que deve ser feito para concluir determinada situação.

CO_caixadeentrada

O que é a coleta?

Alguma vez você escreveu o que veio na sua mente, como um desabafo ou apenas quis planejar algo e colocou tudo no papel? Então, é isso.

O método GTD tem como primeiro passo na organização o “esvaziar a mente”. A técnica se resume em ter uma caixa de entrada (já vou explicar sobre) em que a pessoa transfere tudo o que está na sua mente para ela. Essa caixa de entrada pode ser um bloquinho de papel, um caderno ou um aparelho digital como um celular, tablet, etc. Apenas escolha a que melhor se encaixa com a sua rotina e gosto.

Experimente esse exercício:

  1. Escreva agora o que está na sua mente. Pode ser um projeto ou situação inacabada, algo que esteja te preocupando, tomando a sua atenção ou tenha interesse no momento.
  2. Escreveu? Agora imagine e descreva o que você acha que deveria acontecer para que essa situação fosse concluída. Qual o resultado positivo que você pretende para esse problema?
  3. Depois disso, analise e escreva o que fazer para alavancar esse resultado. Se essa fosse a única coisa que tivesse para fazer em toda a sua vida, o que você faria nesse exato momento? Falaria com alguém? Ligaria para o seu chefe marcando uma reunião? Falaria pessoalmente com o seu namorado(a)? Sairia para comprar uma furadeira na loja da esquina? O quê?
  4. Já tem resposta para isso? Ótimo! O que achou desses minutos de reflexão? A situação em si ainda não foi resolvida, mas você agora teve uma visão mais clara do resultado que deseja e sabe a próxima ação para chegar a ele. E o que você fez foi: escrever, esvaziar a sua mente e pensar. Maravilha!

Uma análise muito interessante que Allen relata no seu livro e que eu sempre penso é que a nossa mente não sabe a hora certa de nos lembrar de determinada coisa. Por isso às vezes estamos pensando na prova na faculdade de amanhã e do nada lembramos que tem que comprar pasta de dente!

Para criar o hábito de escrever, providencie uma caixa de entrada para você e pratique a técnica de esvaziar a sua mente. Procure concentrar tudo em apenas uma caixa de entrada ou no mínimo possível. É só escrever tudo no mesmo lugar, item abaixo de item e depois revisar. Por exemplo, se você está na faculdade e o professor marca um trabalho para a semana que vem, escreva; se no meio da aula você lembrou que tem que comprar ração para o cachorro, anote; se teve uma ideia para o próximo trabalho, escreva; e assim por diante. Não se esqueça de quando resolver algum item, riscá-lo.

Gostou? Eu adoro esse método! Muitas pessoas me perguntam, então vou escrever mais sobre o assunto. Tenho certeza que vai te ajudar!

Boa semana para você, espero ter sido clara e até quarta-feira!

Quero te convidar para Curtir a página do blog no facebook e estar ligada no meu Instagram, porque sempre posto fotos e novidades por lá antes de chegarem ao blog! Espero te ver por lá e receber os seus comentários! Bjus!

#Dica03 – Beba água

Água

Falar sobre esse assunto, para mim, é fácil! Eu sempre tive o costume de me esforçar para gostar do que eu sei que vai me fazer bem, por exemplo: desde nova eu parei de tomar refrigerante, mascar chiclete, entre outras coisas. Claaaro que tem coisas que eu não resisto, principalmente quando estou ansiosa! Uma delas é o chocolate! Meu Deus, queria muito eliminar isso da minha vida, mas eu ainda chego lá! Kkkk

Quem me segue no Instagram e curtiu a Fanpage do blog pode confirmar que eu sempre posto fotos de copo com água! Publico porque acho importante mostrar que pratico o que eu posto e para ajudar a lembrar os seguidores que tem que beber água. 🙂

Como eu sempre digo, não sou especialista na área de saúde e hoje contei com a ajuda do site do Dr. Drauzio Varella entre outras pesquisas confiáveis para entender mais sobre o assunto. A importância de beber água regularmente é indiscutível, são muitos benefícios! Você sabia que o consumo de água evita até o mau humor? Tem mais:

  1. Desintoxicação do corpo: a água auxilia no tratamento de infecção urinária e na respiração, pois dilui o muco, o que facilita a expectoração de resíduos pulmonares.
  2. Absorção e transporte de nutrientes: o líquido ajuda no transporte dos nutrientes pela corrente sanguínea e na sua distribuição para as diversas partes do organismo.
  3. Pele, unhas e cabelos bonitos: a água promove a revitalização das células, proporciona hidratação de dentro para fora, evitando o ressecamento da pele.
  4. Evita dores de cabeça e mau humor: estudos recentes indicam que uma desidratação leve (com a perda de apenas 1% de água) pode afetar o humor, provocando até ataques de raiva.
  5. Ajuda no emagrecimento: água não tem caloria, traz sensação de saciedade e reduz a retenção de líquidos, pois auxilia no funcionamento dos rins.

Algumas informações e dicas:

  1. “90% dos problemas de saúde poderiam ser evitados se as pessoas apenas se alimentassem corretamente” – Organização Mundial da Saúde.
  2. A sede é um sinal de alerta para a necessidade do corpo por água. Ela aparece quando a quantidade de líquidos no organismo já se encontra abaixo do nível desejado e começa a entrar em estado de desidratação.
  3. Não se deve trocar a água por refrigerantes, pois além do elevado teor calórico, eles apresentam elevada quantidade de minerais, como fósforo e sódio em excesso que são prejudiciais à saúde.
  4. Os chás são bons substitutos da água. Prefira os de ervas ou descafeinados, pois são excelentes hidratantes.
  5. Frutas, verduras e legumes são ótimos alimentos para alternar a ingestão de líquidos. Os crus oferecem grande quantidade de água. Além disso, possuem fibras, que somadas à água, tornam-se uma excelente combinação para auxiliar na queima de gordura, aceleração do intestino e manutenção de um metabolismo saudável.

Então, o que fazer? A minha querida Organização está com ciúmes e quer ajudar! 🙂

  • Vimos que não é necessário esperar sentir sede para beber água e que o líquido nos proporciona muitos benefícios como a absorção de nutrientes, hidratação e redução de estresse, logo é claro que vale a pena praticar. O que fazer?

Providencie uma garrafinha e controle o seu consumo de água. Normalmente é indicado 2 litros por dia, mas depende do peso da pessoa, entre outras coisas. Falando claramente, uma dica é observar a cor e o cheiro da urina; o ideal é que seja bem clarinha e que não tenha cheiro.

  • Se bebermos mais água, consequentemente nosso organismo funcionará melhor. Duvi-dê-o-dó que você nunca se segurou para ir ao banheiro por preguiça ou por estar ocupada! Eu já fiz muito isso e tenho que me policiar para não fazer mais, porque não gosto de parar o que eu estou fazendo! Só quem já teve dores sabe como é horrível! Eu já tive dor de não conseguir andar, acredite! Então, não podemos cometer essa gafe com o nosso corpo.  O que fazer?

Priorize a sua saúde! Se for necessário agende alarmes no seu celular e não espere apertar a vontade. Isso é sério, não desvalorize o funcionamento natural do seu organismo.

  • Diversificar a ingestão de água é sempre bem vindo. O que fazer?

Anote na sua listinha de compras alimentos saudáveis e tenha sempre uma fruta na bolsa, trabalho e em casa. O mesmo com os chás e sucos naturais.

Dica: Assista esse vídeo onde explico mais sobre como se organizar para ter uma alimentação saudável durante o dia.

Uma ótima semana para você e espero ter ajudado! Comente aqui em baixo o que achou e se quiser dar sugestões e críticas (construtivas, por favor) pode entrar em contato pelo e-mail do blog. 🙂

Até quarta-feira!

Revise a sua agenda

CO_revise-agendaMe fala uma coisa: do que adianta anotar os seus compromissos na agenda se você simplesmente não anda com ela?

Vamos dizer que você encontra um amigo de escola que não vê há anos e marcam de sair no fim de semana. Como você está com pressa, pede o nome dele no facebook para manterem contato, mas como sempre, não anota em nenhum lugar. Quando chega quinta-feira seu chefe te lembra daquela viagem de negócios que está marcada para sexta com retorno na segunda. E agora? Até estava anotado na sua agenda do trabalho, mas como não estava com ela na hora acabou se confundindo. E ainda de quebra esqueceu o sobrenome do amigo.

Agora me diz: para que isso? Me recuso a achar bonito quem fala que guarda tudo na cabeça. Não vejo necessidade nisso. Se você não gosta de agenda e caderno de papel sempre na bolsa, use a digital. Mas, use.

Aí, faça o seguinte: todos os dias revise as suas tarefas e compromissos. Você pode fazer isso toda sexta ou toda segunda-feira, depende da sua demanda de coisas para fazer e do seu tempo, mas não dê a desculpa de que nunca tem esse tempo, por favor. Vou ser sincera, se nós não temos tempo para revisar o que fizemos e o que temos que fazer, tem algum problema aí. Ou estamos fazendo coisas demais, ou a preguiça está falando mais alto.

Outra dica é ter apenas uma agenda para todas as áreas da sua vida. Como no exemplo que eu dei, se você tiver uma agenda para o trabalho e outra para sua vida pessoal vai ter uma situação em que os compromissos vão ser marcados no mesmo horário e aí não adianta nada, não é verdade?

Experimente e, se quiser, me conte como foi, você vai ver como vai mudar muita coisa!

Para você saber como usar a sua agenda leia esse post aqui.

Até sexta! 🙂

Leia um livro por vez

Esse post é bem pessoal. Conheço pessoas que leem pelo menos 3 livros ao mesmo tempo, mas eu definitivamente não consigo.

Adoro livrarias e papelarias. Quando passo por uma me seguro para não entrar, porque ou eu gasto mais do que deveria, ou fico passeando por to-dos os corredores admirando as prateleiras cheias de livros, cadernos, caixas organizadoras, entre outras coisinhas (meu pai que o diga). Hoje vejo na internet me controlo mais, mas sempre fui louca por essas coisas.

Confesso, compro sem precisar. Tenho cadernos guardados só porque gostei da capa – tenho até vergonha de contar, mas é verdade! 🙂

Nunca fui muito de ler, mas gostava da exposição dos livros, sabe? Tinha o costume de comprar livros sobre apenas um assunto que me interessava naquele momento, seja por causa de um novo curso ou para superar algumas dificuldades. Atualmente quero ler livros para me distrair também – coisa que eu não tinha o costume de fazer.

Como tudo que eu faço, comecei de uma forma muito intensa: em um mês comprei 3 livros, depois mais 3 e de quebra minha amiga me emprestou mais um! É… Admito ser um pouco radical. Comprar livros pela internet é ótimo, mas tem esse mal, nunca compro só um! E aí, adivinha o que aconteceu: não li nenhum! Não sabia por onde começar então continuei lendo o que eu tinha abandonado no mês anterior. rs

Sinceramente não me arrependo, foi uma experiência, até que decidi o seguinte: me organizar e ler um livro por vez. Foi um conflito escolher qual, mas consegui.

Começo hoje a leitura do livro O poder do Hábito, de Charles Duhigg. Para vocês entenderem melhor sobre o que o livro fala, vou colocar o vídeo que me fez interessar mais ainda por ele. Depois que comprei, li as primeiras páginas e indiquei a uma amiga que comprou e já está na metade. Concluímos que este livro é muito interessante e em algumas partes, exige mais a nossa atenção. Ele tem muita base em pesquisas e estudos na área da medicina, sendo um dos pontos que mais nos agradou. Maiores conclusões eu só posso ter ao ler eu mesma. Não vejo a hora de escrever mais sobre ele.

Obrigada e até o próximo post! :*