Descadastramento de e-mail

Quero te dar uma sugestão nessa sexta-feira.

Entre no seu e-mail e reserve uns minutos para “unsubscribe” o seu contato de tudo o que:

  • Não te interessa mais.
  • Você percebe que gasta muito tempo lendo e não é relevante mais para você.
  • Aquilo que te motiva a gastar mais, sem necessidade e te leva a consumir além do que você pode/gostaria, como maillings de produtos de beleza, eletrônicos, livros, entre outros. Se necessário tenha uma lista dos sites confiáveis de compras e pronto.

Você pode eliminar o seu cadastro desses sites nesse link que vem sempre no final do e-mail, escrito “unsubscribe” ou “não desejo mais receber esses e-mail”, entre outros. Se não tiver o link, vai ter qual o procedimento para o descadastramento.

unsubscribe_to_email_newsletters

Cuidado na hora de cadastrar o seu e-mail em sites. Além da segurança, tem a questão de que você está fadado a receber e-mails e spams e encher a sua caixa de entrada de informações que você simplesmente não quer receber. Sem contar no tempo que você gasta excluindo todos aqueles e-mails sem funcionalidade para você.

Talvez você receba newsletters de empresas e assuntos que você nem sabe de onde veio, rs. Descadastre! 😛

Não pense: “Há, mas e se eu precisar disso um dia?” Acredite, quando você precisar, você vai procurar e vai achar. Forneça à sua mente apenas aquilo que lhe é relevante. Imagine a sua caixa de entrada de e-mail como a sua mente e as conversas que chegam como pessoas trazendo informações para você. Se já é difícil no dia a dia ouvir tanta gente, ler e ver tantos anúncios, imagine poluir mais ainda a sua mente com o que não vai te trazer benefício NENHUM, apenas lixo eletrônico!

Seja radical se necessário. Não se apegue a nada e faça o seguinte: monte uma pasta no seu e-mail, titulada senhas. Ou um bloco de notas no seu computador. Existem muitos programas e aplicativos para manter as suas senhas em um local seguro. Não estou falando dessas senhas mais importantes como de banco, cartão de crédito, enfim… estou falando daqueles e-mails que chegam quando cadastramos nossos dados em algum site. Evite ao máximo, mas quando for preciso, cadastre e mova esse e-mail para a pasta senhas. Pronto. A sua caixa de entrada não ficará cheia e você vai poder buscar essa informação sempre que necessário. 😉

Bom fim de semana e até mais!

Bjus!

Leia também:

Acompanhe o meu trabalho nas redes sociais:
Facebook | Youtube | Instagram (perfil pessoal) | Pinterest

Anúncios

We heart it!

weheartit

Conheci nessa semana uma rede social que adorei! Quis compartilhar aqui com vocês.

O We heart it é um lugar em que você pode encontrar imagens lindas de tudo que você ama e começar uma galeria das suas inspirações favoritas,​ com milhões de pessoas no mundo todo! Se você gosta de fotografia vai amar esse site!

É uma espécie de Pinterest mas com um layout diferente, mostrando mais as imagens. Tem imagens super fofas e inspiradoras, além de poder criar “sets” que são pastas para organizar as imagens e vídeos que você amou. É só clicar no coração que a foto já vai para a sua galeria. Outra opção é compartilhar essas fotos no Facebook, Twitter ou Tumblr.

Podemos também seguir pessoas de qualquer lugar do mundo e estar atualizadas com as imagens que elas publicam.

Tem o aplicativo para iPhone e para Android. Eu baixei no meu iPhone e adorei o app! A interface é assim:

app

Podemos acessar na web também! Podem me encontrar lá, é só clicar aqui! O site logado no seu perfil é assim:

Perfil

Não sei você conhece as extensões que podemos adicionar no nosso navegador de internet. Eu adoro e um dos que eu baixei é o do We heart it. É muito simples de baixar! No site da rede social você encontra o link e fica o coraçãozinho do lado da url no browser:

Extensão Chrome

 

Esse não é um publieditorial, ok? Só estou contando o que eu adorei e recomendo! Beijos e até sexta-feira!

Tecnologia: dá para viver sem ela?

flores

Outro dia fui à pizzaria e quando olhei para o lado vi uma mesa de dois lugares com duas meninas, uma de frente para a outra, cada uma com o seu smartphone, na altura dos olhos. Não acreditei. Não tive o trabalho de acompanhar aquela situação, mas queria ter visto por quanto tempo aquela cena durou.

A tecnologia às vezes me assusta. Eu acho que ela ajuda, e muito, mas tem que ter um limite, como tudo na vida. Você já deve ter ficado sem internet em algum momento, seja em casa ou no celular. Como você se sentiu? Eu já passei por isso e fiquei sem chão! Como eu ia conseguir fazer minhas pesquisas? Como ia ficar sem ver os meus e-mails?!

Se você está lendo esse blog, obviamente tem algum tipo de acesso a internet. Quando nos acostumamos com algo, realmente é difícil de ficar sem e hoje ela torna tudo tão mais prático! Podemos pagar nossas contas, fazer compras, pesquisar produtos, baixar livros e revistas, manter contato com familiares e amigos que moram longe, ler notícias atualizadas a cada segundo, entre muitos outras coisas. Eu adoro internet, não é a toa que comecei o blog.

Qual o problema então? A dependência. Não sei se você já percebeu, mas cada vez tem sido mais difícil os relacionamentos saudáveis. Então quando a tecnologia atrapalha essa área da nossa vida eu tenho raiva dela! 😛

Ela atrapalha quando a gente deixa de viver nossa vida lá fora para se trancar no quarto e ficar lendo blogs de moda para ver se a vida fica mais glamourosa. Nada contra, mas isso não vai mudar a sua vida. O que vai mudar são as suas atitudes.

Internet o dia inteiro atrofia o cérebro. Checar suas redes sociais a cada minuto não vai te fazer mais feliz.

Temos objetivos, devemos lutar por eles.

Desgrude do celular, não se esqueça de como é escrever com papel e caneta, abrace mais, encontre quem você gosta pessoalmente, ande de bicicleta de vez em quando (não só na academia), olhe por onde você anda e fale com as pessoas olhando para os olhos delas.

Você reparou na flor que brotou naquela árvore que você passa em frente todos os dias?

Recomendo a leitura deste post aqui.